terça-feira, 1 de outubro de 2013

ANAHATA - AVALIAÇÃO


  • Cultiva a compaixão?
  • Costuma dar compaixão na forma de ajuda e realismo, ou dá complacência, condescendendo ou asfixiando?
  • É capaz de expressar quando é preciso e deixar que os outros deem por si os seus passos para a frente?
  • Encara os desafios das circunstâncias como oportunidades de manter aberto o seu coração?
  • Aceita que nem toda a gente pensa, sente e atua de acordo consigo?
  • Há neste momento, circunstâncias da sua vida que possa encarar como oportunidades de manter o meu coração aberto?
  • Reconhece e aprecia a beleza espiritual que há em si e nos outros?
  • Procura maneiras de apreciar os outros? Saí do meu caminho para dar crédito aos outros pelos seus contributos?
  • Procura maneiras de me apreciar a si próprio?
  • Se lhe é dada a oportunidade de liderar ou de orientar, serve-se dela para encorajar a criatividade dos outros, ao invés de preencher a sua agenda? Uso o papel de líder para manobrar os outros, ou para os dirigir?
  • Há circunstâncias da sua vida em que precisa de estabelecer limites saudáveis para si próprio?
  • Dispõe todos os dias de algum tempo para si?
  • Reconhece a força da brandura?
  • Há alturas em que tem visto a brandura dar a volta a uma situação, em lugar da rigidez?
  • Perdeu recentemente o trabalho ou mudou-se?
  • Perdeu recentemente uma relação, ou a relação passou recentemente por uma mudança?
  • Frequenta clubes noturnos, bares etc., para confirmar a sua sexualidade?
  • É obeso no peito?
  • Procura fora de si a /aprovação para méritos? Preocupa-se com o que os outros pensam de si?
  • Tenho muito medo de ser excluído?
  • Preocupa-me ser excluído?
  • Recentemente experimentou algum tipo de exclusão?
  • Compensa ser amigável em demasia - sorrindo quando não lhe apetece?
  • Sente-se- apagado, carente de emoção?
  • Sente-se como se tivesses um peso no peito?
  • Tem dificuldade em respirar?
  • Está a mudar a ideia de si mesmo?
  • Falta-lhe segurança para saber quem é?
  • Tem tendência de encontrar-se em relações indesejáveis e que resultam difíceis de romper com elas?
  • Tem tido recentemente encontros com alguém que o invalidam totalmente, assim como às suas ideias?
  • Está tão ocupado com os outros que não tenho cuidado de si?
  • Sente-se como se tivesses que distanciar-se emocionalmente das outras pessoas?
  • Tem a sensação de que as outras pessoas/situações o arrasam ou tiram-lhe energia?
  • Quando as pessoas lhe trazem um problema, sente-se obrigado a fazer mais do que escutar?
  • Tenta agradar a toda a gente?
  • Julga-se estúpido ou incapaz de ter algo interessante para decidir?
  • Utiliza as palavras como escudo?
  • Tem medo de expressar uma opinião contrária?
  • A maioria das suas ações/decisões são motivadas para receber aprovação?
  • A maioria das suas ações/decisões são motivadas para ser amado e aceite?
  •  






 

Sem comentários: